Solidariedade olhanense rumo a Pedrógão Grande

Decorridos quase dois meses sobre a tragédia do incêndio de Pedrogão Grande, os prejuízos e as sequelas são imensuráveis e difíceis de sanar. Toda a ajuda é pouca, mas válida, por isso a Freguesia de Olhão aceitou o repto da Associação de Artes Marciais tradicionais japonesas - Bujinkan Unryu Portugal - para unir-se a um projeto que visa ajudar as vítimas deste terrível flagelo, que matou mais de 60 pessoas e deixou muitas outras desalojadas e sem quaisquer bens materiais. 

Assim, a Associação, sediada em Olhão desde 2008, tomou a iniciativa de angariar e recolher os mais diversos bens - roupas e alimentos não perecíveis - prontificando-se a Freguesia de Olhão para tratar do transporte e entrega dos mesmos no destino.

Ultrapassando em muito a solidariedade esperada, dezenas de caixas repletas de ajuda foram angariadas e entregues na sede da Freguesia de Olhão. Após vários contactos, com empresas regionais de transporte, a Transbesouro, de Bela Salema, disponibilizou-se para oferecer o transporte.

Com a solidariedade rumo a Pedrógão Grande, fruto da boa vontade de todos os intervenientes, a Freguesia de Olhão não poderia deixar de agradecer a generosidade do gerente da empresa de transportes e dos membros e mentores do projeto da Associação Buijinkan.

Uma última palavra de gratidão para todos os anónimos que deram o seu contributo para esta magnífica ação solidária. 

09.08.2017