Hélder Oliveira entrevistado na Tertúlia Desportiva

A 13ª edição da Tertúlia Desportiva Olhanense – Comunicando Desportivamente, realizada na noite de quinta-feira, 16 de fevereiro, no Auditório da Praceta de Agadir, inaugurou um novo formato de grande entrevista e o primeiro convidado foi o marchador olímpico e dinamizador desportivo Hélder Oliveira.

A sessão, aberta pelo presidente da Freguesia de Olhão, que promove mensalmente esta iniciativa desde outubro de 2015, foi depois conduzida pela mestria de Humberto Gomes, que começou por apresentar o entrevistado.

 Hélder Oliveira, nascido em Olhão há 56 anos, reconhecido como “um marchador de técnica exemplar” na década de 1980, foi internacional por seis vezes e representou o país nos Jogos Olímpicos de Seul em 1988, merecendo hoje a distinção de “ídolo genuíno”, segundo Humberto Gomes, “porque ensina sendo”. Trabalha na divisão de desporto do Município de Olhão e é reconhecido como um grande dinamizador desportivo, sendo o mentor do célebre grupo de marcha/corrida “Mexe-te Mó”.   

A conversa começou num tom ligeiro, de pergunta-resposta “à queima-roupa”, evoluindo para questões mais incisivas que acenderam o debate. Da falta de equipamentos modernos e adequados à prática desportiva no concelho, ao estatuto pós-carreira pouco reconhecido aos atletas de alta competição, bem como a falta de apoios à prática do Atletismo, tudo foi tema de interesse e mobilização geral.   

No registo bem disposto e sincero que o caracteriza, Hélder Oliveira revelou-se tal como é, criticando mas apontando soluções para os problemas identificados.

Expostos no local, houve ainda tempo para Hélder Oliveira fazer uma breve visita guiada aos troféus conquistados, na qual o entrevistado destacou humildemente a atribuição do seu nome ao Campeonato Nacional de Marcha em Estrada, em 2014, pela Federação Portuguesa de Atletismo. 

A encerrar a tertúlia, o presidente Luciano Jesus reforçou a manifestação de reconhecimento da Freguesia de Olhão ao “ex-atleta olímpico e exemplar cidadão olhanense”, recordando a atribuição da medalha de honra da Freguesia de Olhão a Hélder Oliveira, em julho de 2016.  

Em março, a Tertúlia Desportiva prossegue, no dia 24, com uma grande entrevista à atleta olímpica Ana Cabecinha e ao seu treinador, Paulo Murta.  

20.02.2017